Porto, a chegada

julho 12, 2017

Estação de São Bento, Porto. Julho de 2017.
Um cinzento e umas cores muito escuras mas com muita vida receberam-me de braços abertos entre o verde natural e contrastante das árvores que dançam com o vento. A Estação de São Bento foi o primeiro local que pisei na cidade, assim que saí do comboio. É a estação ferroviária mais bonita que vi até hoje! As suas janelas e os relógios enormes têm um aroma a Porto. 

Uma sensação incrível de leveza, de frescura na alma, de algo que me revitaliza por dentro, surgiu em mim assim que pisei o chão da cidade. Percebi que seria uma «cidade-casa», tal como Coimbra, embora Coimbra tenha um peso emocional muito maior por tudo o que já lá vivi, nestes últimos anos. Tenho a certeza que, se estudasse (ou se um dia estudar) no Porto, este tornar-se-ia também uma segunda casa.

Comecei esta aventura de cortar a respiração pela torre conhecida por alguns como o ex-líbris da cidade - a Torre dos Clérigos. Depois de ver a exposição no Museu, segui para a Igreja, incrivelmente bonita, com toques muito detalhados, mas suaves, com cores frias que se derretiam com os pormenores dourados. 

Depois da Igreja, subi mil escadas em caracol, antigas, gastas de tanto pisadas, de tanto vividas, cheias de rugas, essas cicatrizes feitas pelo tempo. Da Torre tem-se uma vista privilegiada de toda a cidade e do canal onde corre o seu sangue, o Douro, ao som do doce e leve cantar dos sinos. No fim, lá no alto e ao sabor do vento fresco, eis que o Porto se apresenta, perante os nossos olhos, em todo o seu esplendor. O Porto. O meu genuíno e amado Porto, posso já eu dizer, finalmente! Muito prazer!

Estação de São Bento, Porto. Julho de 2017.

Clérigos, Porto. Julho de 2017.
Clérigos, Porto. Julho de 2017.
Clérigos, Porto. Julho de 2017.


Vista da Torre dos Clérigos, Porto. Julho de 2017.

Vista da Torre dos Clérigos, Porto. Julho de 2017.

Todas as fotografias foram tiradas por mim.

You Might Also Like

3 comentários

  1. Arrepiei-me ao ler! É tão bom quando falam assim de uma cidade que nos é tanto *.*

    r: Também recorro aos livros de bolso, apesar de não ter muitos. Essas feiras são uma verdadeira perdição, de facto!

    ResponderEliminar
  2. O Porto é uma cidade mágica que nós adoramos e que também descobrimos há pouco tempo. Só podes mesmo adorar!

    ResponderEliminar
  3. Tantas e tão boas recordaçõões!! Parece que já foi há tanto tempo e ainda nem um ano passou desde que aí tivemos. Adorámos mesmo! O Porto é mágico!!!

    ResponderEliminar

Obrigada pela tua visita :)

Instagram

Em destaque

Carta a uma (c)idade